Prefeito inaugura primeiro Centro Dia de Referência da Pessoa com Deficiência


O local servirá para acolher pessoas com deficiência, enquanto seus familiares trabalham e se dedicam a outras atividades.

Nesta terça-feira (4), o Prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, inaugurou o primeiro Centro Dia de Referência da Pessoa com Deficiência de João Pessoa, no Bairro dos Estados. O local servirá para acolher pessoas com deficiência enquanto seus familiares trabalham e se dedicam a outras atividades. Já existem 20 usuários cadastrados para essa primeira fase de atendimento. A solenidade contou a presença da ministra do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Tereza Campello.

Resultado de uma parceria entre os governos municipal e federal, o Centro é o primeiro do Nordeste a ser inaugurado. De acordo com o prefeito, o novo aparelho é um entendimento inovador para suprir as necessidades das pessoas com deficiência. “Temos uma política de assistência bem estruturada, o que nos levou a ser pioneiros neste serviço, dentro da região Nordeste. O Centro é um local adequado aos cuidados dos deficientes”, argumentou.

A equipe multidisciplinar do Centro Dia é composta por 12 cuidadores, um assistente social, um psicólogo, um terapeuta ocupacional e um coordenador. Para ter acesso ao serviço, o cidadão deve procurar o Centro de Referência Especial de Assistência Social (Creas) do Bairro dos Ipês, localizado na Rua Deputado José Rezende, 198. A equipe vai avaliar a necessidade de atendimento e fazer uma triagem dos usuários, que poderão ficar no local durante todo o dia, sete dias da semana.

Inovação
A ministra do MDS, Tereza Campello, destacou a novidade que o Centro representa. “É um equipamento que não existia e nem era financiado pelo MDS. Com tamanha demanda das pessoas com deficiência, o Centro simboliza a esperança de que podemos levar equipamentos como este a diversas localidades do Brasil”, disse.

O secretário de Desenvolvimento Social (Sedes), da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), Antônio Jácome, ressaltou que a novidade dos serviços oferecidos Centro Dia mudará a rotina dos usuários. “As pessoas com deficiência são dependentes de seus parentes. Vamos ampliar a oferta de serviços e teremos, ainda, a possibilidade de incrementar nosso atendimento de média complexidade. É nossa missão implementar políticas públicas para pessoas em condição de vulnerabilidade”, destacou.

Usuários satisfeitos
A novidade que o Centro Dia de Referência da Pessoa com Deficiência representa para o poder público também empolga os usuários. A dona de casa Maria das Graças Viegas não escondeu a satisfação durante a solenidade de inauguração. Segundo ela, agora terá a oportunidade de realizar trabalhos fora de casa. “Eu vivo para a minha filha, que é deficiente. Com o Centro, poderei deixá-la aqui e fazer trabalhos fora de casa”, comemorou.

A empregada doméstica Leila dos Santos também comemora a oportunidade de ter um local especializado para deixar sua filha de 8 anos – e, principalmente, de saber que ela será bem assistida. “Vai facilitar muito a minha vida, pois sempre tenho que deixá-la com parentes para poder trabalhar. Agora não terei mais preocupação, porque sei que ela será cuidada por profissionais”, disse.

Fonte: PBJA João Pessoa – PB

  1. Nenhum comentário ainda.
(não será publicado)
  1. Sem citações ainda.